Namorado de Aluguel - Kasie West

4 de fev de 2017

Título: Namorado de Aluguel
Autor: Kasie West
Editora: Verus
Páginas: 250
Lançamento: 2016
Classificação: 4/5

Sinopse:
“Quando Bradley, o namorado de Gia Montgomery, termina com ela no estacionamento do baile de formatura, ela precisa pensar rápido. Afinal, ela vem falando dele para suas amigas há meses. Esta era para ser a noite em que ela provaria que ele não é uma invenção de sua cabeça. Então, quando vê um garoto esperando pela irmã no estacionamento do baile, Gia o recruta para ajudá-la. A tarefa é simples: passar por namorado dela — apenas duas horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas. Depois disso, ela pode tentar reconquistar o verdadeiro Bradley.  O problema é que, alguns dias depois do baile, não é em Bradley que Gia está pensando, mas no substituto. Aquele cujo nome ela nem sabe. Mas localizá-lo não significa que o relacionamento de mentira deles acabou. Gia deve um favor a esse cara, e a irmã dele tem a solução perfeita: a festa de formatura da ex-namorada dele — apenas três horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas.  E, justamente quando Gia começa a se perguntar se pode transformar seu namorado falso em real, Bradley reaparece, expondo sua farsa e ameaçando destruir suas amizades e seu novo relacionamento.  Inteligente e maravilhosamente romântico, Namorado de aluguel retrata a jornada inesperada de uma garota para encontrar o amor — e possivelmente até a si mesma. ”

Fazia muito, mas muito tempo que eu queria ler esse livro. Tanto é que as primeiras horas do ano passei lendo esse livro incrível. Nem preciso dizer que terminei de ler no mesmo dia, ou seja, acredito que este será um ano de ótimas leituras. Eu conheço o trabalho da Kasie West pela obra A Encruzilhada que li ano passado, e portanto, esse é um dos motivos pelo qual eu estava ansiosa para iniciar a leitura.

Já começamos a história presenciando o término de um namoro no dia do baile de formatura, onde Gia, nossa protagonista de dezessete anos, precisa que o namoro dure pelo menos por mais algumas horas para provar, por mais que isso seja estanho, a existência do seu namorado. Eu sei, você deve estar se perguntando porque ela precisa fazer isso. É simples, Gia tem duas amigas que acreditam e confiam umas nas outras, e desde que Jules chegou, as coisas meio que mudaram.

“Ela havia se infiltrado no nosso grupo um ano atrás e, bem lentamente, tentava jogar minhas amigas contra mim. Sua última jogada era dizer que eu estava mentindo sobre namorar há dois meses. Então sim, eu queria que minhas amigas vissem que eu não estava mentindo. Que era ela quem tentava dividir nosso grupo ao meio. Ela era a doença contagiosa. Não eu. ”

Embora esse parecesse ser um motivo para que Gia continuasse com Bradley, ela gostava dele, e isso juntamente com o fato dele estar terminando com ela no estacionamento na noite do baile de formatura, a deixa desesperada. Mas sinceramente, sua maior preocupação era o que Jules faria se aparecesse sem o namorado do qual falará durante dois meses. Por fim, Bradley vai embora e deixa Gia sozinha e todo produzida e totalmente perdida.

Sem saber o que fazer, ela olha um carro que havia deixado um casal a pouco tempo, no estacionamento. Observa que tem um cara aparentemente lendo um livro.

“Dei uma avaliada no carro enquanto ele lia. Não dava para ver muita coisa, mas ele não era feio. Cabelo castanho, pele morena. Podia até ser alto, porque a cabeça ultrapassava o apoio do encosto, mas era difícil ter certeza. Não fazia o meu tipo. Cabelo um pouco desgrenhado, meio magro, óculos... mas teria que ser esse. Eu me aproximei da janela, e ele ergueu a cabeça lentamente. E demorou ainda mais para baixar o vidro. ”

Sim, é exatamente isso que você leu. O desespero de Gia era tão grande que ela decidiu pedir para o primeiro cara que apareceu que fugisse ser o namorado que ela tanto falará. Nem preciso dizer que ele achou a proposta mega estranha. Eu acharia. Mas, por algum motivo, que só descobrimos depois, ele acaba aceitando.

Ela acaba descobrindo que ele não estuda no mesmo colégio que ela, e que além do mais é novo na cidade, ou seja, melhor impossível. O único porém é que, do casal que ele acabará de deixar no estacionamento, a menina é irmã dele e estuda no mesmo lugar que Gia, mesmo assim ela decide enfrentar a situação e arriscar ser desmascarada. Ela não vai dar motivo para Jules acabar com ela na frente das amigas.

O combinado foi que eles entrariam no baile, provariam a existência do Bradley e que no final da noite, ele “terminaria” com ela, fazendo com que suas amigas não tocassem mais no assunto por causa do término. Tudo estava correndo bem, o falso Bradley entrou no personagem quase que impecavelmente, mas claro que Jules não deixou barato. Ela ficava fazendo pergunta atrás de pergunta com a intenção de descobrir algum podre nessa história. De repente, enquanto estavam conversando, Gia congela.

“Eu fiz o que ele pediu. Não era difícil. Mas parei de rir quando olhei para a pista e vi uma coisa que me deixou sem ar. A irmã dele. Olhando fixo em nossa direção. ”

A trama se desenrola a partir desse ponto. Muita coisa acontece, muitas confusões e muitas, mas muitas emoções. Depois da confusão que acontece na noite do baile, Gia e o falso Bradley ainda vão se é encontrar várias vezes e a irmã dele vai se mostrar uma personagem essencial para o desenvolvimento da história.

Eu me diverti com a leitura, fazei muito tempo que eu queria ler esse livro e ainda pretendo comprar a obra. Odiei alguns personagens, e amei outros – como o falso Bradley é claro (rsrs).

Então é isso, espero que vocês tenham gostado da história a ponto de se interessarem pelo livro. E se você já leu, me contem nos comentários o que achou do livro.


Até a próxima!

Esse livro faz parte do desafio Fuxicando sobre Chick-List 2017, na categoria :
- ler um chick-lit publicado no máximo a cinco anos (publicação entre 2012 e 2017).





20 comentários :

  1. Oi, Pri!
    Eu tenho uma amiga que é louca por esse livro. Ela vive me indicando e eu já coloquei na lista de leitura desse ano.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Promoção Quatro Anos de Minhas Escrituras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luh, eu estava ansiosa para ler o livro, na verdade eu estava esperando ter dinheiro pra comprar né. Mas aí não aguentei e li o arquivo digital mesmo, e quer saber? Super valeu a pena!
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Priscila! Tudo bom?
    Eu sempre passo por esse livro nas livrarias e constantemente seguro ele na lista de desejados. Uma hora vou conseguir ler!
    Quando a história é bem desenvolvida, esse clichê de 'finge que é meu namorado' é tão legal de ler. Bom saber que o livro diverte.
    Adorei a resenha.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise, quando o autor não se perde e constrói bem a história, todo clichê passa a ser bem vindo né. E particularmente eu adoro histórias assim! Um amorzinho só.
      Beijos

      Excluir
  3. Oi Pri,
    Preciso ler esse livro. Gostei muito da premissa desde que saiu e já até tenho ele aqui comigo. Só preciso arrumar um tempinho para ler ele. Gosto muito desse tipo de história, pois acaba sendo bem divertida.
    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jessica, que sorte a sua hem, eu li o livro digital mesmo. Acontecia que toda vez que eu comprava livro, eu acabava deixando esse para trás. Mas leia sim viu, acredito que você vai gostar.
      Beijos

      Excluir
  4. Oi Pri,
    Já vi pessoas adorando e pessoas criticando muito o livro.
    Eu sempre vou adiando a leitura, por ter outros livros que eu quero mais.
    Mas ele ainda está na lista de desejados.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alê, o duro de ser viciada em livro é isso né. Sempre vai aparecer do nada uma história que naquele momento, te chama mais atenção. Aí acontece o que todos nós sabemos ser de praxe né. Acabamos criando aquela pilha de livros de leituras pendentes. Mas assim que conseguir colocar ele na sua lista, leia sim. A história é bem construída e muito divertida!
      Beijos

      Excluir
  5. Quero muito ler esse livro independente das críticas. Creio que a própria opinião é bom também haha

    xox
    Próxima Primavera
    Participe do sorteio de 1 ano do blog (2 livros + brinde)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clara, e como é importante! Sempre falo isso porque o que para mim não é bom, para você pode ser ótimo né.
      Beijos

      Excluir
  6. Oi Pri! Eu li o ano passado e achei a narrativa da autora super gostosa. Assim como vc tb gostei do livro e até acho que poderia ter continuação rs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E como poderia né Mi. Já pensou? Agora vou ficar com esperança (rsrs).
      Beijos

      Excluir
  7. Oiii Pri

    Quero muito ler algo da Kasie, tenho esse livro an estante faz alguns meses e ainda não tive tempo de ler mas agora com essa resenha preciso ler logo porque sie que irei gostar bastante, adoro essas histórias fofas e juvenis.

    Beijos

    aliceandthebooks.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alice, eu gosto da escrita da autora. E ainda pretendo adquirir o livro físico. Essas histórias bobinhas e fofinhas são as melhores né.
      Beijos

      Excluir
  8. Estou ansiosa para ler esse livro, sem dúvidas muito divertido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tais, acredito que o livro irá te fazer rir várias vezes viu (rsrs).
      Beijos

      Excluir
  9. Oi, Pri. Que bom que você gostou. Eu também fiquei desesperada para ler a obra porque tudo que envolve namorado/marido de aluguel, eu acho que vai me render diversas risadas. No começo achei a Gia meio bocó por se preocupar demais com a opinião dos outros, mas fui gostando dela. Um livro super fofo!
    Beijo, https://leitoraencantada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Miriã, eu adorei o livro, muito fofo mesmo <3
      Beijokas

      Excluir
  10. Oi! Que sinopse intrigante, parece um enredo bacana. Vou anotar o nome para poder opinar :)

    Um beijo!
    Blog com V.

    ResponderExcluir